Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Dias Sem Sol

Eu sei o quanto tento não desejar,
mas eles insistem em existir.

Um dia sem sol, e vento sem mar.
Sentimentos que brotam em meio ao concreto e ao frio.
Ruas tranquilas, quase que como um convite a um passeio.
Existências recentes (e tão cheias de encanto).
Tento, mas não consigo não desejar.

É tão natural.
Nasce de mim mesmo a vontade.
Expontaneamente.
Eu seria artificial se fingisse não sentir tamanha atração.

Na calmaria de dias como hoje,
uma tempestade de vontades me invade...
E ainda mais forte sempre que vejo
o que mais essencialmente desejo.


(Júlio B.)
www.000webhost.com