Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Abstrato

Divagando sobre desejos abstratos,
sou apenas eu mesmo: confuso e arrogantemente seguro.

Mas ainda existem os ares!
As reviravoltas, os sonhos, as realidades distorcidas, as tentativas.
No fundo, minha vida sempre foi a busca por uma alternativa..

A rotina me sufoca, mas a minha busca me dá forças.
E sei que ainda existem pessoas especiais...
E, às vezes, eu até as encontro.

E então sorrio, o alívio leva embora o peso das frustrações.
Os diálogos se prolongam...
O assunto não importa, a interação transcende, a mente descansa...

Ainda existem aqueles com quem posso compartilhar minhas angústias,
com quem posso me libertar do mundo de concreto.
Tão concreto...

Abstraio e meio que cultivo esperanças.
Atômico, o sorriso ressurge rubro e crônico,
quase que felicidade.


(Júlio B.)
www.000webhost.com