Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


O Mundo

O impulso é dançar psicodelicamente, alheio ao mundo,
mas o que faço é imaginação.
À noite, o meu mundo: uma canção.

Nem tento, penso.
Sei, na verdade.
O mundo é um convite ao perigo: tentação.

Elevo-me em sensações,
apenas para ser derrubado em frustração.
O mundo: um labirinto em mutação.

Desisto, mas logo tento de novo.
Esqueço, mas a lembrança sempre volta.
Paro, mas minha busca ainda é o meu mundo.

Minhas lágrimas, tão íntimas, tão minhas... não as exploro.
Percebo, mas a realidade é tão distante.
A realidade nem é o meu mundo mais feliz.

Mas, alheio a tudo, continuo vivendo.
Todos têm seus próprios problemas.
Todo mundo, no fundo, quer a mesma coisa, não?

Todo mundo quer ser o herói.
Todo mundo quer ser importante.
Todo mundo quer ser especial.
Todo mundo quer salvar o mundo.
Todo mundo quer um beijo do seu par romântico no final.


(Júlio B.)
www.000webhost.com