Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Éden

E agora eu queria voltar ao jardim que a custo cultivei,
mas não quero deixar a floresta grandiosa na qual me aventurei.
Eu então não sei o que fazer...

O instinto é de voltar,
no meu jardim havia tantas flores que perfumavam meu dia,
mas nenhuma era minha.
E minha lógica racional faz mais ponderações:
a floresta é maior, possui mais flores,
é questão de procurar a rosa certa!
E então terei feito o melhor pra mim,
pro meu instinto, pra minha vida,
pra tudo o que eu significo...

Eu não sei o que fazer...
Exceto que não vou abdicar da minha busca,
onde quer que seja.

Sei que o mais honesto comigo mesmo
seria renunciar à monotonia burguesa na qual tenho vivido
e voltar à minha realidade anterior.
Sim, isso seria o mais prudente a fazer.
Eu sei, mas eu vou ficar!
Quanto mais possibilidades, maior a minha chance!
Se é por um espaço amostral maior em minha busca,
então eu fico.

Pra quem vive de acaso,
através das possibilidades...
Acho que aqui estarei melhor.


(Júlio B.)
www.000webhost.com