Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Sem Temer

Vê,
a mordaça já não cala mais o grito preso
e o olhar de brilho aceso
anuncia um novo dia.

Lá,
no horizonte que não mais se esconde,
fica claro como e onde
a travessia se inicia.

Vem,
ainda é longo o caminho a percorrer,
mas iremos sem temer,
a covardia nada cria.

Crê,
por mais árduo que seja o nosso caminho,
vem, não estarás sozinho,
a companhia não definha.

Sê,
é resistência se manter fiel a si
é o que nos trouxe até aqui,
é garantia de alforria.

Ó,
já dá pra ver a luz no fim do túnel escuro,
será melhor nosso futuro,
a alegria irradia.

Luz,
em meio a tanta ganância e indiferença,
só aumenta a minha crença
que a poesia é rebeldia.


(Júlio B.)
www.000webhost.com