Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Limites

Senti então no corpo um cansaço
que não era fadiga de jovem,
e quase caí.

A mente teve então um novo lapso
que não foi mancada de jovem,
e quase me prendi.

Tive no coração mais um colapso,
desses que não se removem,
e quase cedi.

Mas desta vez eu ainda resisti.
Só que pra tudo existe um limite,
e existe um limite pra mim.


(Júlio B.)
www.000webhost.com