Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Como Voar Estando Congelado Em Um Lago

Isso tem me cansado,
isso tem realmente me cansado,
mas eu não consigo dizer não,
eu quero voar.

Isso está ficando pesado,
o fardo já está ficando desumano,
mas o levo, e porque gosto,
não do fardo, mas do que está preso em suas estruturas.

As já pesadas obrigações da vida eram um lago
no qual flutuavam em espera as aves das minhas vontades
e eu demorei pra perceber que ele estava congelando,
e congelou.

E tudo foi frio depois disso.
Com os pés presos no gelo insensível da rotina,
as vontades não podiam se mover
pra trazer de volta o calor dos meus desejos.

Mas ao baterem as asas juntas,
elas conseguiram força o bastante pra voar, sim, elas conseguiram!
Mesmo que agora tenham de carregar preso a elas
o fardo do lago congelado que um dia as manteve estáticas.

Isso tem me cansado,
o peso do lago, o bater das asas,
mas o que sempre mais quis foi voar,
o que agora faço, apesar do fardo.


(Júlio B.)
www.000webhost.com