Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Fixação

Não há vagas,
apenas brechas mínimas,
lacunas íntimas,
que é meu gosto preencher.
Que é o que tenho,
o que posso,
o que tento o tempo todo,
abdicando do conforto,
em busca dos preenchimentos
que são a minha fixação.
Se há uma chance, eu quero.
Se perco, até adoeço.
Se há mais de uma,
quero todas
e faço o que for preciso para tê-las.
Ah, como eu quero!
Fantasmas no meu quarto,
vestígios no banheiro.


(Júlio B.)
www.000webhost.com