Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Guilhotina

A própria certeza da condenação
já é dor o bastante pra quem não tem opção.
O passar marcado das horas até lá
é angustia voraz o tempo todo a queimar.

A porta que se tranca pra se proteger
é a mesma que esmaga o dedo se prender.
O fluxo natural que garante a vida
é o mesmo que leva à morte na saída.

E por mais que doam os passos até o abate
e a impotência ante o xeque-mate,
por mais que doam os olhares ao redor,

por mais doloroso que seja tudo, a dor maior
ainda será de longe a da lâmina afiada
que decepa o pescoço da cabeça indesejada.


(Júlio B.)
www.000webhost.com