Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


De Carne E Osso

Eu sempre simpatizei com as diferenças
e talvez por isso eu tenha sempre respeitado as minhas.

Sim, eu sou de verdade.

Você pode me chamar de louco,
eu sou mesmo,
e gosto.
E, pra você, que me vê na nudez do meu desejo,
eu mostro a minha carne
e o meu osso,
do qual não tenho culpa,
mas é meu,
e eu assumo.

Você pode dizer, no tom que quiser,
que eu sou a pessoa mais estranha que você conhece.
Não ofende.
Pra mim, é um elogio
não ser normal,
não agir como todos agem,
não sentir o que todos sentem,
não querer o que todos querem,
não caber na previsibilidade que todos esperam.

Eu sempre simpatizei com as diferenças
e também com quem simpatiza com elas.


(Júlio B.)
www.000webhost.com