Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Tão Ausente

Então, mais uma vez,
estou de volta ao lado mais fraco da corda.
O lado que liga e você não atende.
O lado que se esforça e você é indiferente.
O lado que precisa se matar por você,
enquanto você simplesmente é tão ausente.
Será que eu ainda tenho paciência pra isso?
Será que eu já não aprendi?
Eu pequei o jeito da coisa,
mas perdi o sentimento.
O presente...
O presente é diferente.


(Júlio B.)
www.000webhost.com