Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Sexta-Feira 13

De quantas décadas eu ainda preciso pra aprender
a não confiar na fragilidade
de promessas feitas sob interesses,
baseadas somente em sentimentos
que nunca se sabe se são apenas enrolação?

Pelo amor de qualquer coisa,
tenho idade pra isso mais não!

Preciso é do jardim cheio de rosas
e não dessa vida de expectativa de botões por desabrochar.
Preciso das rosas e seus espinhos pra podar.
Do jeito que está, não dá!

Quantas sexta-feiras você ainda precisa arruinar
na minha vida até admitir que você nunca vai florescer pra mim?

Não preciso de um carneiro para os baobás.
Preciso para as ervas daninhas como você,
que se dizem rosas, mas nunca exalam.


(Júlio B.)
www.000webhost.com