Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Mudança Com Sabor De Renascimento

Eu acabei de rabiscar o que eu estava escrevendo,
não estava me agradando, estava repetitivo.
Cansei.
A música mudou.
Eu mudei.
Quero me libertar!
E tem de ser agora.
Há um mundo de vidas lá fora,
mas eu estou em casa, com minha solidão e minhas palavras.
Tantas ruas me anunciam as possibilidades do que quero,
e eu vou trilhá-las todas um dia,
mas não hoje.
Hoje vou me libertar!
Eu não me importo em mudar tudo.
Vou fazer uma tatuagem e colocar dois piercings,
vou fazer as coisas que quero e deixar o resto pra lá.
Vou continuar procurando a pessoa que me fará feliz.
Mas até lá, até encontrá-la,
não vou me privar de prazeres e nem de nada que eu queira.
Eu não acredito em vida eterna, mas acredito que a vida pode mudar.
Eu acredito e sinto essa lágrima que acaba de escorrer por minha face.
É a mudança que pede passagem!
Chega!
Eu sempre fui tão livre comigo mesmo, mas me contive pelos outros,
por me importar com as preocupações de quem estava ao meu redor.
Acabou, baby!
Agora seremos apenas eu e minha mente e as sementes dos meus sonhos adiados.
Chega de esperar demais, chega de um ano, dois anos.
Eu quero agora, ou amanhã, no máximo semana que vem.
Tem de ser rápido!
A mudança não se deixa ser percebida se você não for esperto.
E você, amor da minha vida, apareça se quiser, algum dia,
pra ficar ao meu lado e sermos felizes.
Mas as coisas mudam com ou sem você.
E eu estou mudando agora.
Sem mais dúvidas ou inseguranças, agora!
Vou tentar, tentar e tentar.
Não vou ficar parado,
pode ser que quando eu perceba não haja mais ninguém ao meu redor.


(Júlio B.)
www.000webhost.com