Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


A Última Bala

Você era o segundo na linha,
mas mandaram você primeiro pro abate.
Só que eu só tinha uma bala
e eu sabia que o disparo faria a matilha debandar.
Não, eu não podia atirar assim, de cara.
Eu fui ganhando tempo,
matando os cachorros a grito,
até pegar quantos eu queria,
e aí sim eu requisitei a sua volta.
E você voltou.
Eu só tinha uma bala,
que desde o início era destinada a você.
E assim eu o fiz.
E só fiz porque quis.


(Júlio B.)
www.000webhost.com