Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Trindade

Aqui,
os riscos sempre foram maiores do que as recompensas.
Terra tão grande e tão plana:
ando o dia todo feito um cavalo,
ando pra todo lado
e nunca acaba.

Aqui,
a sorte comigo quase nunca foi boa.
Numa rua só sol, na outra garoa.
E ainda assim eu insisti,
entre desejos e perigos,
e tão pouco colhi.

Mas hoje, enfim,
eu fechei minha balança.
Eu sei que pra mim,
aqui,
acabou.

Eu só precisava vir uma última vez,
pra dar uma última olhada no que nunca foi meu.
E, então, agora digo:
adeus.


(Júlio B.)
www.000webhost.com