Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Lendo as Coincidências

Juro, as coincidências sempre foram o meu esconderijo secreto,
único abrigo onde eu pude me expor na medida exata que precisava.
Nelas, além de um refúgio, adivinha o que mais: eu encontrei você.
Ia vagando, sem interesse, pelo mesmo de sempre, até ver a peculiaridade,
o que está nas entrelinhas, que vem em códigos, que só nós deciframos.
Resta apenas saber se, por coincidência, também você sentiu o mesmo.

Bem, da minha parte, eu acho que você já sabe o que sinto.


(Júlio B.)
www.000webhost.com