Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


O Amor Que Não Ousava Dizer O Nome

Ah, meu amor, tudo agora parece mais bonito.
Embora o mundo ainda pareça injusto como antes,
você é a recompensa para o meu coração aflito,
minha força pra enfrentar os monstros gigantes.

Veja, o mundo não está, como dizem, tão moderno.
Repare se os problemas que passamos não são
tão antigos quanto as promessas de céu e inferno?
Os eternos conflitos de intolerância e aceitação...

No fim, os corpos se encontram e a dor some.
O amor a tudo vence, seja o obstáculo que for,
não há intolerância arredia que ele não dome,
não há coração frio que resista ao seu ardor.

Até uns tempos atrás não ousavam dizer o nome,
mas agora eu o digo, é por um garoto o amor.


(Júlio B.)
www.000webhost.com