Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Ausência

Eu sei, a vida não é fácil, mas é o que nós temos:
seguimos pelas pedras dos caminhos que escolhemos.
Há tanta sede no mundo que não pode ser saciada,
mas há de se seguir em frente em tão injusta estrada.

Eu sei, a vida não é fácil, nem é como queremos,
os caminhos são confusos e às vezes nos perdemos.
Há murmúrios ecoando ao redor de cada frustração
dos corações solitários, dos que procuram afeição.

A ausência do que me era mais importante
sempre ardeu urgente como angústia cortante,
como carência que não cessa nem um instante.

Por vezes, tive só a solidão por companhia.
E eu me preenchia com a esperança vazia,
que - tátil, terna e triste - me envolvia.


(Júlio B.)
www.000webhost.com