Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Agora Que Eu Sei Que Você Existe

O que fazer, meu deus?
Qualquer deus, pagão, charlatão, de ateus,
eu nem acredito em deus,
mas o que fazer pra perna parar de tremer?
Pro coração parar de bater nesse desespero esperançoso?
É gostoso, admito,
mas grito de medo por dentro, por fora, no centro, por toda parte.
Não sei se aguento esperar-te tanto tempo,
agora que eu sei que você existe.
E o grito sufocado insiste,
não faço segredo, o grito é de medo de nunca te beijar,
de nunca te abraçar e dormir uma noite ao seu lado,
de nunca ser amado,
de definhar sob o peso dessa dor.
É que agora que eu sei que você existe,
voltei a pensar o tempo todo em amor.


(Júlio B.)
www.000webhost.com