Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Baby, Baby, Baby

Oh, baby,
o deja vù nunca foi tão evidente!
O que implica que devo ser um pouco mais providente.
Eloquente.
E corajoso,
inconsequente, por que não?
Já compreendi as diferenças,
já enfrentei as consequências.
E cá estou, de novo.
E agora, baby?


(Júlio B.)
www.000webhost.com