Início | Versos | Prosas | Músicas | Sobre Mim


Ih!

Irritante cansaço sobre mim.
Impossível continuar assim.
Insisto nas omissões mais covardes.
Impeço sonhos e nem dou alardes.

Ignoro o que deveria ser urgente.
Invento sempre o que a mente não sente.
Imito os sentimentos de verdade.
Impostor da minha própria vontade.

Interpreto modéstias irreais.
Irrompo-as agora, não quero mais.
Intento me sentir de novo humano.

Imploro a mim mesmo um final feliz,
impelido a salvar meu grande plano,
ileso, ainda, mas por um triz.


(Júlio B.)
www.000webhost.com